Flor de lapela ou boutonnière

A flor de lapela diferenciada está ganhando espaço a cada dia, desde que o cravo caiu em desuso. São tantas as possibilidades que a escolha se tornou tão difícil como o buquê da noiva. Conhecida como “boutonnière”, esse mimo agrada a todos os estilos de noivos. Para aqueles que são mais clássicos, as flores ainda são as preferidas. Costumam ter como referência o buquê da noiva ou a própria decoração do casamento. Usada pelo noivo, pais e padrinhos a flor de lapela pode ser confeccionada com flores secas, penas, palha, juta e barbante. Para os mais descolados, tecidos como feltro e jeans, papel craft ou até jornal também podem ser uma opção. Para aqueles que se casam na praia, conchas, estrelas-do-mar e pérolas são a pedida. Para os noivos atletas, a flor de lapela pode ser alusiva ao seu esporte ou, quem sabe, um arranjo feito com playmobil. Pequenos broches também são permitidos e vale até transformar o bolso em uma jardineira. Durante a cerimônia, os padrinhos devem usar boutonnières com o mesmo estilo. Os pais podem usar algo diferente dos padrinhos mas semelhante entre eles. Se o noivo desejar, pode usar a sua totalmente diferente. Cabe lembrar que não há necessidade de blazer ou paletó para se usa uma boutonnière. Elas podem ser usadas em suspensórios, coletes ou mesmo na própria camisa.

Gostou dessas opções? Difícil escolher? Pode ser, mas para escolher seu vestido de noiva, uma coisa é certa! Você vai escolher um Nova Noiva. Agende seu horário e venha fazer sua escolha.